Cremeb participa de “Fórum A Cidade Também é Nossa”

arquivo93842845

O Cremeb participou pela primeira vez, dia 06/03, do “Fórum A Cidade Também é Nossa”, onde teve a oportunidade de apresentar para diversas organizações de classes a situação real que se encontra a assistência à saúde na Bahia e no Brasil. O fórum, que possui reuniões mensais na sede do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia – CREA, é um coletivo de entidades que discutem e deliberam intervenções sobre os principais problemas da cidade de Salvador, bem como as ações governamentais que não contemplam as reais necessidades da população.

Representado pelo presidente, Cons. José Abelardo, o Cremeb foi muito bem recebido pelas demais organizações que debatem o fórum, a partir do entendimento unânime de que a saúde é um dos pilares de fundamental importância quando se pretende discutir melhorias para sociedade soteropolitana. O conselheiro falou sobre a importância para o Cremeb em estar discutindo os problemas de Salvador, inserindo a discussão sobre saúde e apresentando os constantes enfrentamentos que a classe médica se depara diariamente para o exercício da profissão.

Ainda na sua explanação sobre a atual situação da saúde pública em Salvador, o Cons. José Abelardo denunciou o caos que vive o Sistema Único de Saúde (SUS). “O SUS está previsto desde a Constituição de 88 e até hoje ainda está em construção. Não existe uma estrutura mínima para trabalho, faltam recursos para investimento no setor e a má administração é uma constante evidente. Além do mais, Salvador não possui nenhum hospital municipal”, disse o presidente.

Outros pontos foram expostos pelo representante do Cremeb, como a Emenda Constitucional 29, onde a União não se comprometeu a destinar pelo menos 10% da receita corrente anual para saúde; a falta de cumprimento orçamentário da saúde; bem como a privatização do SUS que acontece aceleradamente de governo a governo.

AÇÕES

Em cinco anos de atuação, o fórum tem buscado a participação da sociedade civil nos debates que envolvem a gestão da cidade. Esta edição de março teve como pauta o recebimento de novas entidades (Cremeb, OAB-Ba, Corecon, Sinjorba e APUB), a discussão sobre o reajuste do IPTU e do Acordo de Modulação (PDDU/LOUOs), assim como um debate sobre o posicionamento a se tomar perante a situação do Aeroclube.

Nesta reunião, foi decidido também que cada entidade avaliará a possibilidade de entrar como amicus curiae na Ação Direta de Inconstitucionalidade, movida pela OAB contra o reajuste do IPTU em Salvador. O Cremeb assumiu o compromisso de indicar uma temática na área de saúde para se criar uma pauta específica de saúde pública na cidade de Salvador.

O Fórum A Cidade Também é Nossa é um movimento de articulação, independente e sem ligações partidárias, e que não influencia na autonomia e independência das entidades participantes.

Gabriel Soares
Ascom/Cremeb
Fonte: http://www.cremeb.org.br/cremeb.php?m=site.item&item=2390&idioma=br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s